2 de dezembro de 2016

Corpos de vítimas de voo da Chapecoense serão trazidos nesta sexta para o Brasil

Os corpos de 70 vítimas do acidente aéreo na Colômbia, a maioria de jogadores e integrantes da comissão técnica da Chapecoense, iniciarão nesta sexta-feira (2) a viagem de volta para casa. No acidente, morreram 71 pessoas e seis sobreviveram.
Às 8h locais (11h de Brasília) deve decolar do aeroporto José María Córdova de Rionegro, que serve a região de Medellín, em um voo comercial da Avianca o corpo de um cidadão venezuelano que morreu na queda da aeronave da companhia LaMia, de matrícula boliviana, na madrugada de terça-feira em uma zona remota a 50 quilômetros da segunda maior cidade da Colômbia.
Uma hora depois, um Hércules da Força Aérea Boliviana vai decolar da base militar de Rionegro com os corpos de cinco cidadãos do país.
Às 16h (19h de Brasília) terá início o traslado, em três voos diferentes, de 50 brasileiros falecidos. No mesmo horário devem decolar, em voos privados, para o Brasil os corpos de 14 jornalistas que viajavam no avião da Chapecoense para cobrir a final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional.
"O que mais queremos agora é voltar para casa, levar para nossa casa os nossos amigos e irmãos, porque a espera é a pior coisa que existe", disse Roberto Di Marche, primo do dirigente Nilson Folle Júnior, que morreu na tragédia que comoveu o planeta.
O corpo de um cidadão paraguaio foi o primeiro a deixar a Colômbia, na quinta-feira em um voo comercial da Avianca.
Os cadáveres dos 71 mortos foram preparados para a repatriação por quatro funerárias de Medellín durante quase dois dias.
A cidade de Chapecó, Santa Catarina, se prepara para um grande velório em seu estádio, a Arena Condá, previsto para sábado.
O local tem capacidade para 19 mil espectadores. O clube vai instalar telões nas proximidades do estádio porque as autoridades calculam a presença de quase 100 mil pessoas no funeral.
Os corpos serão levados de Medellín para Rionegro - onde estão internados em diferentes clínicas os seis sobreviventes da tragédia - em 35 carros fúnebres.
"Fizemos um grande esforço para que em breve estejam com suas famílias", afirmou Juan Tavera, gerente de uma das funerárias responsáveis por preparar os corpos.
Na quinta-feira à noite foi celebrada uma missa organizada pela Funerária San Vicente, a principal de Medellín, em homenagem aos mortos. Parentes das vítimas compareceram à cerimônia.
As autoridades colombianas, em coordenação com especialistas estrangeiros, prosseguem com a investigação, que aponta para a falta de combustível da aeronave. Mas as conclusões finais podem demorar até seis meses.
O governo boliviano suspendeu na quinta-feira a licença da companhia Lamia e destituiu altos funcionários do setor de controle aéreo do país.
O representante da Lamia Gustavo Vargas afirmou que a aeronave não cumpriu o plano de reabastecimento em Cobija, cidade boliviana na fronteira com o Brasil, ou em Bogotá.
O acidente cortou as aspirações da modesta Chapecoense, clube fundado há 43 anos e que teve uma ascensão meteórica desde 2009, subindo da série D do futebol brasileiro até a série A em poucos anos, antes de alcançar a final da Copa Sul-Americana, o segundo torneio continental mais importante.(g1)

Mulher morre tentando proteger o marido

Uma mulher foi morta a tiros tentando proteger o marido na noite desta quarta-feira (30) em São José dos Pinhais. O crime foi registrado no bairro São Judas Tadeu.
De acordo com informações da Polícia Militar, um homem chegou na residência para fazer a cobrança de um carrinho de papelão que teria sido vendido para o casal. O suspeito então pegou uma arma e atirou no braço de Ricardo. A esposa, ao ver a cena, entrou na frente para proteger o marido e foi atingida por três disparos.
O SIATE chegou a ser acionado, mas a vítima identificada por Patrícia morreu no local. O marido da vítima, baleado no braço, foi encaminhado ao Pronto Socorro.
O autor fugiu e até o momento não foi localizado.(massanews)

Rapaz é assassinado e cadelinha fiel fica ao seu lado

Um rapaz identificado apenas por Marquinhos, de aproximadamente 25 anos, foi assassinado a tiros no início da madrugada desta sexta-feira (02) na Av. das Américas, bairro Cidade Jardim, em São José dos Pinhais.
De acordo com informações de moradores de rua, Marquinhos morava embaixo de uma marquise, junto com sua fiel escudeira Nina, uma cadelinha vira-lata. Moradores ainda informaram à polícia que Marquinhos estava jurado de morte na região por traficantes.
Nesta madrugada, a vítima caminhava pela rua junto com sua cadelinha quando foi abordado por atiradores, em um veículo, que efetuaram vários disparos. A vítima ainda tentou correr, mas caiu na rua e morreu na hora.
O que chamou a atenção é que após a morte do rapaz, a cadelinha ficou o tempo todo ao lado do corpo, até que ele fosse recolhido ao Instituto Médico Legal de Curitiba.
A investigação do caso fica a cargo da Delegacia de São José dos Pinhais.
A cadelinha ficou na responsabilidade de outros moradores de rua que ficam na região.(massanews)

Mulher é atropelada por vários veículos e ninguém presta socorro



Uma mulher identificada por Rosângela da Mota Mourão, 41 anos, morreu atropelada na noite desta quinta-feira (01) em Curitiba. O acidente aconteceu no Contorno Sul, em frente a empresa Bosch, empresa onde a vítima trabalhava há quatro dias. 
De acordo com informações de uma funcionária que estava junto com a vítima, elas tentavam atravessar a rodovia quando Rosângela acabou tropeçando e caindo no meio da pista. A testemunha ainda tentou ajudar a vítima, mas pulou para não ser atropelada. 
A vítima foi atropelada por um caminhão e por aproximadamente sete carros. Nenhum dos veículos parou para prestar socorro. Ela morreu na hora.
O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Curitiba.(massanews)

Dupla armada assalta fiéis dentro de igreja em Apucarana

Dois homens, armados com um revólver, assaltaram na noite de quinta-feira (01) um grupo de fiéis que estava reunido na Igreja Comunidade Rainha da Paz, no Residencial Parque da Raposa, em Apucarana.
As vítimas participavam de um grupo de vivências promovido pela paróquia quando foram surpreendidas pelos criminosos. Através de ameaças, eles exigiram que lhes fossem entregues seus pertences. A dupla roubou três celulares e levou duas chaves, a de um veículo e outra da porta da igreja. Eles fugiram a pé, sentido à mata da Raposa.
A Polícia Militar (PM) foi acionada e realizou diligências na região, no entanto nenhum suspeito foi localizado até a publicação desta reportagem.(tnonline)

Polícia Civil de Maringá prende casal em Paiçandu com arma de fogo e munições


POLÍCIA CIVIL DE MARINGÁ PRENDE CASAL EM PAIÇANDU COM ARMA DE FOGO E MUNIÇÕES

Equipes da seção de furtos e roubos da Polícia Civil de Maringá agiram na manhã desta quinta-feira (1) na cidade de Paiçandu para prender um rapaz com mandado de prisão por um crime de homicídio. Wesley Maikon Fernandes dos Santos, 23 anos, foi detido em sua casa no Jardim Canadá. Na residência os policiais apreenderam um revólver calibre 32 municado e mais algumas munições de calibre 9mm, além de duas balanças de precisão. Um caderno com anotações provavelmente da movimentação do tráfico de drogas foi localizado pelos policiais. A esposa Eliane Galvão, de 35 anos, também foi presa em posse de um celular que foi roubado no mês passado em uma casa noturna de Maringá. O mandado de prisão de Wesley Maikon foi expedido pela 1ª Vara Criminal de Maringá onde ele é suspeito de participação em um crime de assassinato que ocorreu em fevereiro deste ano em Iguatemi. A vítima morta com um tiro foi o adolescente Diego Henrique da Silva, 17 anos, o "Diego Sarandi". Um mês depois do homicídio, um adolescente de 17 anos procurou um advogado e se apresentou em Iguatemi e confirmou que matou Diego Henrique. Em seu depoimento, o menor ainda relatou que estava na garupa de uma moto onde o piloto era Adriano Vieira Tampelini, 21 anos, que também foi assassinado no dia 2 de março. Wesley Maikon que foi preso agora pela Polícia Civil de Maringá afirma que não matou ninguém, não levou ninguém para cometer nenhum crime. De acordo com chefe da furtos e roubos da 9ªSDP, Everaldo Fernandes, a casa do casal em Paiçandu servia para esconder objetos de criminosos. Outras pessoas estão sendo investigadas pela polícia.(andrealmenara)
Foto de POLÍCIA CIVIL DE MARINGÁ PRENDE CASAL EM PAIÇANDU COM ARMA DE FOGO E MUNIÇÕES Foto de POLÍCIA CIVIL DE MARINGÁ PRENDE CASAL EM PAIÇANDU COM ARMA DE FOGO E MUNIÇÕES Foto de POLÍCIA CIVIL DE MARINGÁ PRENDE CASAL EM PAIÇANDU COM ARMA DE FOGO E MUNIÇÕES Foto de POLÍCIA CIVIL DE MARINGÁ PRENDE CASAL EM PAIÇANDU COM ARMA DE FOGO E MUNIÇÕES Foto de POLÍCIA CIVIL DE MARINGÁ PRENDE CASAL EM PAIÇANDU COM ARMA DE FOGO E MUNIÇÕES Foto de POLÍCIA CIVIL DE MARINGÁ PRENDE CASAL EM PAIÇANDU COM ARMA DE FOGO E MUNIÇÕES Foto de POLÍCIA CIVIL DE MARINGÁ PRENDE CASAL EM PAIÇANDU COM ARMA DE FOGO E MUNIÇÕES Foto de POLÍCIA CIVIL DE MARINGÁ PRENDE CASAL EM PAIÇANDU COM ARMA DE FOGO E MUNIÇÕES Foto de POLÍCIA CIVIL DE MARINGÁ PRENDE CASAL EM PAIÇANDU COM ARMA DE FOGO E MUNIÇÕES Foto de POLÍCIA CIVIL DE MARINGÁ PRENDE CASAL EM PAIÇANDU COM ARMA DE FOGO E MUNIÇÕES Foto de POLÍCIA CIVIL DE MARINGÁ PRENDE CASAL EM PAIÇANDU COM ARMA DE FOGO E MUNIÇÕES Foto de POLÍCIA CIVIL DE MARINGÁ PRENDE CASAL EM PAIÇANDU COM ARMA DE FOGO E MUNIÇÕES


1 de dezembro de 2016

Homem ameaça esposa com faca, na frente do filho

Um homem de 37 anos foi detido na madrugada desta quinta-feira (01) após ameaçar sua esposa na Vila Regina em Apucarana. A mulher precisou fugir para fora da residência com o filho do casal após o homem tomar uma faca e dizer que iria matá-la.
A mulher relatou que seu esposo que é usuário de drogas e álcool chegou em casa alterado e começou a quebrar diversos utensílios. Ela disse que em dado momento ele tomou uma faca e começou acusá-la de ter um relacionamento extraconjugal com seu genro e afirmou que a mataria.
Neste momento a vítima abandonou a residência com o filho do casal e acionou a Polícia Militar (PM). A equipe conseguiu conter o homem e o encaminhou à delegacia de Apucarana para prestar depoimentos. Ele poderá ser indiciado por violência doméstica e ameaça.(tnonline)

Em Arapongas acidente deixa motociclista gravemente ferido

Um acidente de trânsito entre uma motocicleta e um carro, registrado na manhã desta quinta-feira (01), deixou um homem de 45 anos gravemente ferido, na Avenida Maracanã em Arapongas. O motociclista foi encaminhado ao hospital com ferimentos graves.
A colisão aconteceu por volta das 06h próximo ao Posto Breda. O condutor da moto precisou ser socorrido por uma equipe do Siate e foi encaminhado ao Hospital Santa Casa. De acordo com o Corpo de Bombeiros a vítima sofreu vários ferimentos, no entanto não corre risco de morte.As causas do acidente não foram informadas.(tnonline)